Decisão judicial suspende nomeações decorrentes de concurso realizado pelo município de Tiros, por suspeita de fraude

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio da Promotoria de Justiça de Tiros, ajuizou, no dia 6 de março, Ação Cautelar Inominada Preparatória com pedido liminar, visando a suspensão do concurso público n° 001/2023, realizado pelo município de Tiros, tendo em vista os elementos já apurados na investigação, que ainda está em curso.