Procon-MG proíbe venda de 11 lotes do medicamento Gastrol TC, em MG, por suspeita de conter substância altamente perigosa

O Procon-MG, órgão do MPMG, determinou a proibição de comercialização, em Minas Gerais, de 11 lotes do medicamento Gastrol TC, fabricado pela Brainfarma Indústria Química e Farmacêutica S.A., devido à suspeita da presença de Fenol, substância cáustica, perigosa para o organismo humano.

Repórter: Clara Caetano | Tempo de áudio: 03″14′

Incorporar

<iframe src=”https://radiompsite.qcomm.com.br/wp-content/uploads/2023/09/20230918-Consumidor-BH-Proibicao-venda-remedio-gastrol-tc-1.mp3″></iframe>