STJ mantém condenação da Igreja Universal ao pagamento de indenização por demolir casarões históricos em Belo Horizonte

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve acórdão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) que condenou a Igreja Universal do Reino de Deus a pagar mais de R$ 23 milhões como indenização por danos patrimoniais e morais coletivos, pela derrubada, em agosto de 2005, de três imóveis localizados em Belo Horizonte.

Incorporar

<iframe src=”https://www.qcomm.com.br/radios/mpmg/site/wp-content/uploads/2023/08/20230809-Patrimonio-Historico-e-Cultural-BH-Condenacao-STJ-casaroes-historicos-demolidos-Igreja-Universal-.mp3″></iframe>