Justiça nega recursos de homem condenado a 31 anos de prisão pelo assassinato da ex-sogra em Belo Oriente

A pedido do MPMG, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais negou dois recursos interpostos pela defesa do homem condenado a 31 anos de prisão pelo assassinato da ex-sogra, dentro da casa da vítima, no dia 17 de dezembro de 2020, em Belo Oriente, no Vale do Rio Doce.